quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Tio Bob Ricklefs e a minha cara de pau.

Em ecologia existe um pesquisador muito conceituado que é o norte americano Robert Ricklefs, autor do livro "A Economia da Natureza", um livro texto básico em Ecologia, muito bem feito e adotado por vários cursos de Biologia e Ecologia, no mundo todo. O Ricklefs é um dos maiores ecólogos do mundo e é um dos caras que mais produzem trabalhos científicos na área de Ecologia. Ele hoje é um professor phD da University of Missouri, mas sua origem é a cidade da Philadelphia. Além de escrever um dos livros mais bem feitos sobre Ecologia, Robert Ricklefs é uma sensação no meio acadêmico, qualquer site de pesquisa que em que procuro artigos em Ecologia, só dá o Ricklefs bombando, o cara produz muito. Os últimos trabalhos dele tem sido na área de ornitologia, o estudo dos pássaros. Ele já esteve aqui no Brasil, mais especificamente na UFMG. Tudo indica que ele tem um gostinho por nós brasileiros.

Em 2008, quando estava cursando na faculdade uma disciplina chamada Ecologia de Ecossistemas, a professora nos ensinou como trabalhar com artigos científicos e ensinou também maneiras de contactarmos e pedirmos orientações diretamente aos autores estrangeiros. Eu peguei um artigo sobre taxas de extinção (desaparecimento de uma espécie) e especiação (transformação de uma espécie em outra) em aves do grupo Passeriformes. Era um artigo bastante complexo pra ser sincero, com vários modelos matemáticos e discussões teóricas em cima de discussões teóricas! Pesado! Como eu teria que explicar aqueles modelos matemáticos  para a classe ( e não estava entendendo "lhufas" ), li o artigo umas seis vezes, traduzi partes importantes, e então aproveitei as dicas da professora e fui me meter a escrever diretamente para o Professor Ricklefs.

Ele é mais uma dessas autoridades científicas que gosto. Que são autoridades de verdade e nem por isso ficam humilhando alunos. Muito simpaticamente, apesar de ser um dos caras mais requisitados e ocupados no meio, o Bob Ricklefs em pessoa respondeu às minhas dúvidas. Foi uma coisa meio inusitada. Primeiro o pessoal não acreditou que fosse ele em pessoa me escrevendo, mas depois acreditaram e disseram  que foi meio cara de pau porque eu até convidei ele pra vir passear na minha casa.

Além de responder minhas dúvidas sobre o artigo com o qual eu estava trabalhando ( e fui até elogiado por isso, porque não perguntei qualquer bosta pro cara, meti as caras, esmiucei o trabalho dele e só então fui perguntar - talvez por isso ele tenha sido tão atencioso!), ele me deu umas dicas sobre Museus de História Natural nos EUA. Não sei se é coincidência ou se é um sinal como o da primeira Profecia da Profecia Celestina, mas o Museu que ele me indicou é vizinho da casa da minha madrinha que vive na Philadélphia!
(Se ele sabia que tenho essa madrinha morando lá? Não!)
  
Bom, troquei ainda mais alguns e-mails com ele, e estou só esperando sobrar um dinheiro para comprar o livro dele " A Economia da Natureza", que é um canône da Ecologia. Sei que na minha loucura, me empolguei e até o convidei para conhecer São João del Rei e depois fui repreendido, porque o cara poderia acreditar que a Universidade o estava convidando e a Universidade na verdade não tinha nada com isso.

Bem esse é o Robert Ricklefs, uma autoridade pra lá de simpática!

Nenhum comentário:

Postar um comentário