Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2011

Valeu Ibitipoca

Imagem
E aí moçada!
Gente, final do ano passado tive a oportunidade de conhecer, junto com a minha namorada e família dela, o Parque Estadual de Ibitipoca, aqui em Minas Gerais!
Sabe aquele clima de montanha, muita água, cachoeira, paredões, frio e lareira? Ibitipoca tem isso tudo e um pouco mais. Foi a primeira Unidade de Conservação organizada e próxima de alcançar um modelo correto de conservação de espécies.
Pra chegar lá, saímos aqui de São João del Rei as 6 da manhã e fomos para Juíz de Fora, onde esperamos uma hora mais ou menos e depois fomos para uma cidadezinha chamada Lima Duarte. De Lima Duarte, partiríamos para uma vila que se chama Conceição do Ibitipoca (que é uma vila linda por sinal), mas o ônibus que faz esse percurso só vai duas vezes por dia, então tivemos que esperar um tempo em Lima Duarte. Aproveitamos para conhecer a biblioteca da cidade, as irmãs que se reencontrariam na viagem aproveitaram para fazer isso e também para fazer um pouco de música enquanto o tempo passav…

Tio Bob Ricklefs e a minha cara de pau.

Imagem
Em ecologia existe um pesquisador muito conceituado que é o norte americano Robert Ricklefs, autor do livro "A Economia da Natureza", um livro texto básico em Ecologia, muito bem feito e adotado por vários cursos de Biologia e Ecologia, no mundo todo. O Ricklefs é um dos maiores ecólogos do mundo e é um dos caras que mais produzem trabalhos científicos na área de Ecologia. Ele hoje é um professor phD da University of Missouri, mas sua origem é a cidade da Philadelphia. Além de escrever um dos livros mais bem feitos sobre Ecologia, Robert Ricklefs é uma sensação no meio acadêmico, qualquer site de pesquisa que em que procuro artigos em Ecologia, só dá o Ricklefs bombando, o cara produz muito. Os últimos trabalhos dele tem sido na área de ornitologia, o estudo dos pássaros. Ele já esteve aqui no Brasil, mais especificamente na UFMG. Tudo indica que ele tem um gostinho por nós brasileiros.
Em 2008, quando estava cursando na faculdade uma disciplina chamada Ecologia de Ecossiste…

Mirmecocoria todo dia!

Então, é o último semestre em que vou fazer essa pesquisa. A realização é um pouco complicada e o tempo é curto. Desculpe-me caros leitores, mas esse assunto irá aparecer várias vezes aqui no Red Mosquito!
Encontrei um artigo que é bem específico para o que eu estou querendo fazer. É um teste da teoria da fuga do predador (maiores explicações vejam posts anteriores) ao longo de um gradiente geográfico maior (quer dizer uma área extensa, uma região). Esse teste foi feito em uma região de portugal e contemplou a interação mutualística das formigas com uma espécie arbustiva chamada Heleborus foetidus. Infelizmente, o teste foi feito numa espécie arbustiva. Como expliquei em outro post, praticamente ninguém no mundo fez esse teste para a interação mutualística que existe entre as formigas e as árvores tropicais. E é por isso que está sendo difícil, são poucas referências e metodologias nas quais se basear para fazer o experimento.
Mas esse artigo, de um autor chamado Manzaneda, me trouxe al…

Novamente no buraco da formiga

Imagem
Oi Galera!
Bem, e já se foram sete anos da minha vida nessa luta acadêmica. Esse mês tive que pedir uma extrapolação do prazo máximo de integralização (vergonha!), mas é que como mudei de faculdade foi como se tivesse começado de novo. Estou quase quase terminando, mas uma das coisas que ainda me amarra é a pesquisa com a mirmecocoria. Lembram da relação harmônica (simbiótica) entre as formigas e diversas espécies de plantas?
Pois é. Agora é pra valer. Já identifiquei as espécies de formiga e de planta com que vou trabalhar e agora não tem mais volta. Tenho que fazer um experimento que comprove ou refute uma hipótese da Ecologia de Interações, mais especificamente da interação conhecida como Mirmecocoria. Essa hipótese é chamada de Hipótese da Fuga do Predador, uma hipótese que diz que o fato da formiga carregar a semente, protege a semente, garante a germinação e reduz a pressão de predação.
Bem, particularmente, eu acho que a hipótese é verdadeira. Se levarmos em consideração que as s…